7 de junho de 2018

6 de junho de 2018

Portal do Cidadão



Depois de 7 anos no estrangeiro, chego a Portugal e parece que também sou estrangeira cá, não pela língua, claro, mas por todos os procedimentos de que ora não me lembrava ora são totalmente novos.

Ando há uns dias para tentar fazer o agendamento para alteração de morada do cartão do cidadão. Ligo para o número disponível e o tempo de espera é de mais de 20 minutos; não estou para esperar tanto e desligo. Mando e-mail e eles dizem que recebo marcação no espaço de 24 horas; nada. Finalmente decido fazer o agendamento online e a primeira data disponível é para daqui a 15 dias! What??? É assim tão difícil fazer a porcaria de um alteração de morada?!? A minha alma está parva! 

Eu sei que estava mal habituada e que apenas precisava de ir ao Consulado, que até havia em Düsseldorf, e despachava o assunto em menos de nada, mas confesso que não estava preparada para tanto...

Enfim, acho que não me resta outra opção que seja me habituar...

De volta...

 
 
Estamos de volta a Portugal há uma semana.
 
Deixámos os garotos em casa dos meus pais para fazermos a viagem de regresso e podermos adiantar a arrumação o mais possível.
Foi uma semana de doidos... 2000 km de viagem de carro atulhado; toda a nossa vida dentro de um contentor; e chegar e ter que pôr tudo em ordem. Não foi uma semana fácil, mas conseguimos arranjar quase tudo. Há sempre alguma coisa que fica e sempre algo que fazer, mas o essencial está feito. Os quartos dos garotos estão prontos, a sala habitável, a cozinha a funcionar. Faltam apenas pequenas coisas para nos deixar mais confortáveis e completamente instalados.
Os miúdos estão felizes com a casa nova e nós de "braços abertos" a mais um desafio.

E eis que uma nova aventura começou!!