31 de maio de 2012

*sherlock holmes



*2 horas enroscada no sofá com o maridaço a ver Sherlock Holmes - A Game of Shadows.. hmmm, bommm!!

*café!


*adoro o cheiro a café, de bom café!

*infelizmente por estes lados bom café é coisa que raramente se vê. é claro que eles têm o "nosso" café - expresso! -, mas ainda assim não é grande coisa. para eles café é o nosso café de cafeteira e isso, para mim, é  tão simplesmente água suja! e portanto, cheiro a café nem senti-lo..

*mas voltando ao café café, desde que vim para a Alemanha que perdi o hábito de beber café, não só porque é muito caro, como falta-me por aqui companhia para ir beber café.. é talvez das coisas que mais sinto falta: pegar no telefone e combinar um café, ou sair do trabalho por uns minutos e ir beber um café, ou simplesmente entrar num estabelecimento comercial e pedir um café e sentir que, mesmo sozinha, outros tantos fazem o mesmo que eu e, assim, partilhamos um café, ou sentar-me numa esplanada e desfrutar do meu café!

*agora o único prazer que vou tendo é beber café em casa. felizmente trouxe a minha máquina da Nespresso e assim sempre vou matando saudades. mas não é a mesma coisa..

*e aí está ela outra vez


*como não podia deixar de ser, a chuva lá tinha que voltar para nos chatear! bem que já tinha estranhado andarmos à tanto tempo com um sol fantástico e um calor bem gostoso.. apesar do bom tempo não abundar por estes lados, ele existe, se bem que com uma frequência não tão alta como seria desejável, pelo menos para mim claro..

*apesar da chuva, pode dizer-se que não está frio. está fresco e tal, mas isso não é nada me chateie muito. até prefiro que não faça muito calor, que isso lembra-me a praia e fico completamente desolada por não poder enterrar os pés na areia e dar um mergulho nesse oceano fantástico!

*enfermeira por um dia


*hoje o marido está doente: acordou com as dores de estômago do costume.. andei à volta dele a ajudá-lo no que podia: comprimido, botija de água quente, massagens ao de leve na barriga. enfim, tudo o que o ajude a melhorar..

*parece-me melhor agora. pelo menos já consegue estar deitado na deitado na cama num género de poltrona que normalmente faço. espero que adormeça entretanto, que é sinal que está mesmo a melhorar..

...

*não melhorou. tivemos que ir ao médico. levou uma injecção e mandaram-no ficar em casa hoje e amanhã, fazendo assim um fim-de-semana prolongado.

*para não variar, não souberam dizer o que tem. fizeram uma eco à zona abdominal e dizem estar tudo bem. mas não conseguem explicar o porquê de, volta e meia, ter aquelas dores. "anda muito stressado?" perguntam eles. dizem que talvez seja a explicação.. enfim, esperar que melhore!

30 de maio de 2012

#8


*ranger


*depois de saber (ontem) que o meu problema não é no ouvido, mas nos dentes, e como não queria esperar pela consulta de 6ª feira, tratei de arranjar outro e fui hoje. como não poderia deixar de ser, o problema é ainda mais estapafúrdio do que pensava.. ora portanto, a junção dos dentes inferiores com os superiores (fica ao pé dos ouvidos e podemos sentir quando abrimos e fechamos a boca - não consigo explicar de outra maneira, portanto façam o esforço para tentar perceber por favor) do lado esquerdo é um pouco deficiente (esta é a forma que melhor tenho de explicar a coisa) e isso pode causar as ditas dores de ouvidos e também de cabeça.. assim sendo, a solução passa por fazer uma espécie de placa em silicone (neste caso duas) para usar durante a noite e/ou quando estiver stressada.. lindo!!!!

*o médico bem que perguntou se eu rangia os dentes durante a noite e/ou quando estava stressada. quanto à primeira não sabia porque nunca me foi dito - mas agora que falei com o espécime masculino cá de casa que partilha o vale dos lençóis comigo, ele diz que sim (não podia ter dito antes?!) -, e quanto à segunda acho que nunca dei muito por isso, mas tenho a sensação que volta e meia isso acontece..

*já tirei o molde da coisa e 6ª feira volto lá para experimentar e trazer aquilo para casa.. só espero é que funcione, caso contrário terei que voltar para descobrir um qualquer outro problema..

*NOTA: peço desculpa pela falta de jeito para a explicação do meu rico problema, mas 1º: não sou dentista e 2º: nem sempre é fácil perceber quando a paciente (eu) é tuga, o médico é alemão e falamos em inglês um com o outro, o que, não sendo o inglês a língua materna de nenhum dos dois, a coisa fica um pouco longe da perfeição...

*really?? #2


*não bastava a barulheira às 8h30 como ainda por cima acabei de descobrir da pior maneira que não posso tomar banho hoje (pelo menos até à noite). 

*convencida que, tirando o barulho, tudo estava normal, enfio-me na banheira, ligo a água, ponho água fria e... queimo-me como se fosse um frango dentro de uma panela de água a ferver!! desligo a água e tento novamente, desta vez com cuidado - afinal, gato escaldado de água fria tem medo! tudo na mesma. tento uma terceira vez e nada. lá me resolvo a sair da banheira, convencida de que é uma situação apenas momentânea. estou já com um pé de fora e tocam à campainha. lá me embrulho da melhor forma possível e vou ver o que é. é um dos homens das obras a dizer que hoje a água da banheira (apenas da banheira!) só sai quente, porque a água fria está cortada..

*esta para mim é nova: não poder tomar banho porque não posso usar a água fria??? se fosse ao contrário ainda era como o outro: tomava banho de água gelada - que não seria a primeira vez!; mas de água a ferver é humanamente impossível!!!

*5 de Maio


*acabei de descobrir - antes tarde que nunca! - que o dia 5 de Maio é o Dia da Língua Portuguesa e da Cultura, sendo também conhecido como o Dia da Cultura Lusófona! aparentemente este dia ficou decidido em 2005, mas só em 2009 os países da CPLP chegaram a um definitivo acordo.

*isto é deveras fascinante, mas porque será que nunca se houve falar destas coisas?? ou será que sou só mesmo eu que ando alheada do mundo?! hmm... boa questão, mas o que verdadeiramente importa é a celebração de tão fantástica língua e sua cultura! espero é para o ano me lembrar...


*ao que parece também existe um museu!!! bom, acho que vou ter que o visitar na minha próxima visita a Portugal.. 

*don't you wanna dance?


*adoroooo esta música!! e não é que dá mesmo vontade de dançar!! vamos??

*really??

*infelizmente acordo todos os dias por volta das 8h por causa ou do sol ou do meu rico marido que deixa e deixa e deixa o despertador tocar. não gosto, mas já estou habituada. mas hoje foi um bocadinho demais.. acordei com o dito despertador, dei-lhe uma "patada", tocou novamente, dei outra e por fim ele lá calou aquilo. Pronta para voltar a adormecer, e não é que o raio de um qualquer vizinho desata a fazer buracos?? wtf??? às 8h30 da manhã??? não tem o resto do dia???

*como é de calcular, não há possibilidade de aqui o je voltar a adormecer.. 

29 de maio de 2012

*caldo verde


*volta e meia lá tenho que me armar em dona de casa - acho que o homem cá de casa gostava que isso acontecesse mais vezes, mas ele sabe que não casou com nenhuma sopeira (empregada doméstica ao serviço da cozinha)! -, e fui fazer um belo caldo verde.. há muito que não fazia e que bem que sabe sentir o cheiro que vem da cozinha. hmmm...

*oi?!

*acabei de vir do médico e ainda estou com ar de espanto.. não é que a médica diz que não tenho rigorosamente nada no ouvido? fartou-se de perguntar onde era concretamente a dor, de bater nos sítios mais estranhos e diz que não tenho nada..

*se assim é porque raio passei os últimos 4 dias com dores??? 

*aconselhou-me a ir ao dentista. se não é dos ouvidos, diz que só pode ser dos dentes.. não percebo nadinha disto.. já marquei a consulta. vou ter que esperar mais uns dias que me lixo.. e até lá não tenho outro remédio senão ir aguentando.. valha-me a santa...

*ahhh


*é coisa que me falta muitas vezes.. seja por acordei com os pés fora da cama, seja porque alguém teve o condão de me irritar, seja porque.. ora, porque sim! e hoje é um desses dias em que paciência é coisa que não abunda muito por estes lados..

*estou com dores de ouvido desde 6ª feira ao fim da tarde. 6ª feira à tarde, sábado e domingo não há médico para ninguém, e como a dor é algo suportável, não valeu a pena meter-me nas urgências. ontem foi feriado. logo, não houve, novamente, médico. hoje - finalmente! - lá fui. chego às 11h30 e dizem-me que hoje não atendem mais ninguém.. fecham às 13h, mas às 11h30 já não aceitam mais pacientes: surreal! e claro, como hoje à tarde não se trabalha, eu que aguente. apesar disso dão-me um qualquer papel idiota para ir a outro médico. lá fui. está de férias. não rendida, voltei para casa e pesquisei um terceiro médico. liguei às 12h03 para marcar consulta para hoje. fechava às 12h!!! 3 minutos depois e já não atendem o telefone.. agora tenho de esperar até às 14h30 para ligar para lá. pelo menos estes estão a trabalhar.. vamos lá ver é se consigo consulta para hoje!

28 de maio de 2012

*momento de puro prazer


*é simplesmente ficar a olhar para ele... Adoro!

*ídolos - 1ª gala


*Mariana... não podia hoje deixar de falar dela.

*a minha prima é uma das 14 finalistas da 5ª edição dos ídolos.. e canta bem que se farta!! espero muito sinceramente que ela passe aos últimos 10 e consiga ir longe na competição.. infelizmente não posso votar (porque aparentemente não existe número para ligar do estrangeiro) para que ela se mantenha no programa, mas cá estarei a torcer fervorosamente por ela..

...

*acabou de sair no youtube este vídeo da prestação da Mariana e do João:


...

*e pronto, ficamos a saber que ela fica entre os 10 primeiros! até à próxima semana.

27 de maio de 2012

*poker


*aqui em casa, aparentemente, joga-se de tudo.. ora magic ora poker ora qualquer coisa que ainda estará para (re)começar.

*hoje o homem cá da casa decidiu ir jogar poker com as visitas. ele bem que gosta de jogar tudo e mais alguma coisa; já eu não sou muito - para não dizer nada! - dada a jogos. sou mais de ler e ver tv. e confesso que mesmo para ver/assistir aos jogos não sou grande fã. dá-me sono, fico rabugenta.. enfim, sou do estilo de uma criança.. que fazer??

*ai, é só o que digo


*estou há dois dias com dores no ouvido esquerdo. não percebo o porquê e cada vez está pior. e para ajudar à festa, amanhã é feriado, pelo que só na 3ª feira vou poder ir ao médico... 

*ainda por cima está um fim-de-semana fantástico para ir para a piscina e eu sem conseguir estar sequer perto de água.. enfim... agora é esperar que passe e não pensar mais no assunto. e, claro, torcer para que na próxima semana esteja bem e possa aproveitar estes dias de sol e calor!

*love..


*é acordar todos os dias ao lado dele, passar as mãos pelo seu corpo, dar-lhe um beijo de bom dia..

*coisas para o pescoço

{Photo by R!}
*eis a minha nova aquisição.. adorei estes fios (e não só!) que a minha prima faz e não resisti a comprá-los.. um veleiro e um mocho fantásticos!!! ela tem as suas obras primas na sua página do facebook. é pena ela não ter a sua página pública para poderem ver tudo o que faz..

*não sei porquê, mas este tipo de enfeites faz-me lembrar o verão.. talvez por serem simples e "frescos".. adoro sentir-me leve e, sem dúvida, que este tipo de coisas ajuda.

26 de maio de 2012

*pulseiras

*que bom que é voltar a usar os meus "berliquoques" todos!!! sei que dá perfeitamente para durante todo o ano, mas aqui, com os casacos que temos mesmo que usar por causa do frio (os  maiores e mais quentes possíveis), confesso que não dá muito jeito. adorava conseguir usar, mas para já (e para já porque este foi o meu primeiro inverno por estas bandas) não consigo. pode ser que com o tempo me vá habituando e passe a conseguir usar tudo o que quero e gosto.. mas problemas sazonais à parte..

*adoro pulseiras coloridas e adoro poder conjugar tudo! e no verão, com a pele morena... hmmm, que delícia.. dão aquele toque especial à toilette.. fantástico!! 

*adeus...


*acabei de saber (ler para ser mais exacta) que faleceu a melhor professora de português que alguma vez tive: Amélia Pais.
*não sou de prestar homenagem a ninguém, mas esta "pessoinha"  com menos de 1,50m de altura foi alguém que me fascinou e incentivou a "mergulhar" na literatura portuguesa. não podia, assim, deixar de a mencionar..
*aqui fica um poema da sua autoria:

"Penso em ti como um desejo interrompido
que se teceu na minha memória.
E sonho-te mais do que te recordo.
Seleciono. Invento-te um nome, um rosto.
Reconstruo. Reconstruo-te.
Peça a peça.
Minuciosamente - real ou irreal, 
- Assim te lembro."
Amélia Pais

*fim‑de‑semana de passeio


*temos visitas este fim‑de‑semana.. lá vamos andar, uma vez mais, de um lado para o outro, a mostrar a cidade, etc etc etc..

*mas desta vez será diferente, já que a mar já viveu aqui, e portanto pode ser até que seja ela a mostrar-nos um pouco da cidade - que possamos ainda não conhecer - e não o contrário..

25 de maio de 2012

#7

"Eu jamais chegaria onde cheguei se só andasse em linha recta. Tive que voltar atrás, andar em círculos, perder dias, perder o rumo, perder a paciência e me exaurir em tentativas aparentemente inúteis para encontrar um quase endereço, uma provável ponte: a entrada do encontro. Acertei o caminho não porque segui as setas, mas porque desrespeitei todas as placas de aviso."
Marla de Queiroz

*egoísmo


*irritam-me pessoas que só pensam no seu umbigo. não consigo perceber como é que alguém não consegue ver que existem outras pessoas à sua volta e que também merecem um pouco de atenção, especialmente quando tudo fazem para que essa pessoa em especial se sinta bem e possa dedicar-se - também! - áquilo que mais gosta. e, quando confrontadas com tal facto, ainda têm a distinta lata de inventar desculpas esfarradas: ah, pensei que não me querias a atrapalhar.. 

*a sério???? inacreditável...

*será assim tão difícil olhar, ver e pensar noutras pessoas?? será assim tão difícil abstrair-se do seu ego e lembrar-se dos outros??

*egoístas, narcisistas, centrados em si mesmo, etc etc etc... ahhhhhhh

*e para o almoço...


*ora já me está a dar a larica... não é que tenha feito alguma coisa de jeito, já que andei a passear aqui por casa entre tudo o que tenho para fazer, mas ainda assim já começo a sentir o ronronar do meu estômago.

*assim, e porque o tempo quente não permite a nada muito mais quente, vou optar por uma salada bem deliciosa e fresquinha. claro que a vontade de a fazer não existe - mas isso também já é comum! e acho que a acompanhar vai sair um sumo de laranja natural! ah, sabe mesmo a verão!!

*combustível


*há pessoas na minha família que têm o triste e péssimo hábito de encher a caixa de correio dos outros com "lixo"!! não lhes digo nada, claro, mas também não leio 99% dos e-mails que me mandam. quando vejo um assunto que poderá ser interessante, lá perco tempo e dou uma vista de olhos.
*hoje recebi um que preenche a quota dos 1%. não sei se o que lá escrito será muito de fiar, mas também me parece que não há qualquer problema em experimentar.
*o dito cujo foi aparentemente escrito (ou coisa que o valha) por um sujeito que trabalha numa refinaria  há mais anos do que eu tenho de vida e que resolveu deixar umas dicas para se poupar no combustível. ora reza assim:

"1. Encher o tanque sempre pela manhã, o mais cedo possível. A temperatura ambiente e do solo é mais baixa. Todas os postos de combustíveis têm os seus depósitos debaixo terra. Ao estar mais fria, a terra, a densidade da gasolina e do diesel é menor. O contrário se passa durante o dia, quando a temperatura do solo sobe, e os combustíveis tendem a expandir-se. Por isso, se você enche o tanque ao meio dia, pela tarde ou ao anoitecer, o litro de combustível não será um litro exactamente. Na indústria petrolífera a gravidade específica e a temperatura de um solo tem um papel muito importante.
2. Quando for pessoalmente encher o tanque, não aperte a pistola ao máximo (pedir o mesmo ao abastecedor no caso de ser servido). Segundo a pressão que se exerça sobre a pistola, a velocidade pode ser lenta, média ou alta. Prefira sempre o modo mais lento e poupará mais dinheiro. Ao encher mais lentamente, cria-se menos vapor e, a maior parte do combustível vertido converte-se num cheio real, eficaz. Todas as mangueiras vertedoras de combustível devolvem o vapor para o depósito. Se encherem o tanque apertando a pistola ao máximo uma percentagem do precioso líquido que entra no tanque do seu veículo transforma -se em vapor do combustível, já contabilizado, volta pela mangueira de combustível (surtidor) ao depósito da estação. Isso faz com que ,os postos consigam recuperar parte do combustível vendido, e o cliente acaba pagando como se tivesse recebido a real quantidade contabilizada, menos combustível no tanque, pagando mais dinheiro.
3. Encher o tanque antes que este baixe da metade. Quanto mais combustível tenha no depósito, menos ar há dentro do mesmo. O combustível evapora-se mais rapidamente do que você pensa. Os grandes depósitos cisterna das refinarias têm tectos flutuantes no interior, mantendo o ar separado do combustível, com o objectivo de manter a evaporação ao mínimo.
4. Não encher o tanque quando o posto de combustíveis estiver sendo reabastecido e nem imediatamente depois. Se você chega ao posto de combustíveis e vê um caminhão tanque que está abastecendo os depósitos subterrâneos do mesmo, ou os acaba de reabastecer, evite, se puder, abastecer no dito posto nesse momento. Ao reabastecer os depósitos, o combustível é jorrado dentro do depósito, isso faz com que o combustível ainda restante nos mesmos seja agitado e os sedimentos assentes no fundo acabam ficando em suspensão por um tempo. Assim sendo você corre o risco de abastecer o tanque com combustível sujo."

#6


*então muito Bom Dia!!!!

*que bom é acordar com um sol radiante lá fora.. é de mim ou faz com que a vida pareça mais sorridente?! apesar de todo o trabalho que hoje me espera cá em casa - vou ter visitas este fim-de-semana, portanto não tenho outra solução que deixar tudo num brinco! -, estou super bem disposta, e tal facto devo-o, claro está, a este dia fantástico!

*bom, vou ter que arregaçar as mangas e pôr-me a trabalhar, que vai ser um longo, longo dia.. no final logo digo se mantenho tamanha boa disposição..

#5

24 de maio de 2012

*cabos!

{Photo by R!}

*vi esta ideia num blog e não resisti a experimentar. trata-se de uma ideia super simples para arrumar cabos e mais cabos sem que eles andem espalhados e todos entrelaçados uns nos outros. e acaba por ficar bem giro, sem se gastar muito dinheiro, e com a certeza de que quando se estragar se faz mais sem pensar muito no assunto.


*basicamente pega-se num rolo de papel higiénico vazio e decora-se com um qualquer papel de embrulho (ao gosto de cada um) ou em papel autocolante, e o resultado é este!! o cabo, claro está, fica no interior do rolo..


*acho que para primeira experiência a coisa até correu bem!! 

*sandalinha


*esta é sem dúvida umas das razões porque adoro o verão (a primavera também!).. aquela sensação de liberdade, de frescura...
*haverá coisa melhor que andar de sandália rasa nos pés?? adoro sentir o ar soprar, deixar os pés respirar e, claro, andar completamente confortável!!
*sou pessoa de andar de salto alto - tirando em viagens, que é altura em que não troco os ténis por nada. mas andar de sandália é algo totalmente libertador e que me deixa com uma sensação de leveza fantástica!

*objectivo: ser feliz!


*hoje acordei com um sentimento de felicidade extrema e pensei para comigo: devia acordar assim todos os dias!! afinal a vida é demasiado curta e mais curta se torna quando vivemos infelizes. assim, e por achar que nada faz mais sentido nesta nossa curta passagem pelo mundo que ser Feliz, decidi fazer uma lista daquilo que me deixa com um sorriso na cara e com um sentimento de leveza:
  • um beijo e abraço apaixonados do marido
  • falar/estar com a família e os amigos
  • ouvir música em altos berros
  • cantar e dançar
  • sentir a brisa do mar na face
  • sol sol sol
  • enterrar o pé na areia molhada
  • mergulhar no mar
  • passear e viajar
  • a água a escorrer pelo corpo
  • ...
*tanta coisa que acho que não consigo enumerar tudo..

*agora vem a parte mais difícil: tentar fazer tudo todos os dias!! muito posso e vou fazer, mas claro, uma parte apenas é possível durante uma pequena parte do ano. apesar disso me deixar algo triste, não me vou deixar abater, mas sim ficar feliz com aquilo que posso fazer todos os dias!

*just be happy!

23 de maio de 2012

#4

"O tempo é muito lento, para os que esperam. Muito rápido, para os que têm medo. Muito longo, para os que lamentam. Muito curto, para os que festejam. Mas para os que amam, o tempo é eterno."
William Shakespeare

*para começar bem o dia...

22 de maio de 2012

#3

"Nunca ande pelo caminho traçado, pois ele conduz somente até onde os outros foram."
Alexandre Graham Bell

*lenços e mais lenços


*sou apaixonada por lenços! não só acho que ficam bem com tudo, como dão um jeitaço.. claro que há saber Que lenço usar e Como usar, já que não é nem de qualquer forma nem qualquer lenço que fica bem com toda e qualquer toilette. assim aqui ficam 40 dicas!

*já sou legítima proprietária de uma vasta gama de coisinhas destas, se bem que mais nunca é demais, por isso lá vou eu continuar a investir e esperar que o meu homem não dê conta!
*verdadeiramente a fazer por isso!!

*home sweet home


*ahh, que bom é estar de volta a casa!! depois de dias a andar e de viagens de carro, sabe sempre bem chegar enfim a casa e poder descansar.
*eu adoro viajar, conhecer países e cidades novas, mas o não "poder" parar um dia que seja para "recarregar baterias" (para poder aproveitar tudo ao máximo, claro!), faz com que o cansaço se instale e seja necessário ficar de "molho" durante uns dias..
*mas como é óbvio, não é isto que me impede de começar já a pensar na próxima!!! 

19 de maio de 2012

*à chuva


*isto é que é preciso ter azar! agora que estou pronta para me ir aventurar por Malmö, é que começa a chover!! nem consigo acreditar na minha falta de sorte!!! bom, mas como não tenho outra solução (sim, ficar fechada no hotel não é solução para mim...), vou mas é pôr-me a andar..

16 de maio de 2012

#2


*trabalho doméstico??


*definitivamente não é para mim.. adoro ter a casa limpa e arrumada, a roupa lavada e passada e a comida feita, mas sem dúvida que a vontade de fazer tudo isto não me corre nas veias. eu sou mais do género de ter tudo feito sem ter que "pôr as mãos na massa"!
*não me interpretem mal. não acho que ser "dona de casa" seja uma ocupação menos respeitável. muito pelo contrário, admiro imenso quem o faz. o problema é que eu não me consigo ver - nem nunca consegui! -  nesse papel. é um trabalho chato, cansativo, sem qualquer tipo de gratificação pessoal. e pior que isso, não diminui: ou é a roupa para lavar (felizmente que temos máquinas - nem quero pensar o que seria se fosse da época dos "tanques") e passar ou é limpar a casa (convém que seja com regularidade se não quisermos viver em cima de uma nuvem de pó) ou cozinhar (valha-me a santa que isto é todos os dias!).. pfff... chato chato chato..
*volta e meia corre pela minha mente o seguinte pensamento: "ah, quem me dera ser homem" - sim, porque salvo raras excepções, isto cai sempre sobre as mulheres! com tudo o que nos cai em cima (já para não falar do trabalho com os filhos, mas como não os tenho, vou abster-me de comentar), é incrível que se diga que somos o "sexo fraco"!! é preciso ter lata...

*pronto, já chega de me queixar - caso não tenham percebido acabei de tratar da casa e da roupa! vou mas é agora gozar o trabalho feito e "rezar" para que tão cedo não tenha que fazer tudo outra vez - vai ser já na próxima semana, mas tudo bem...

*tempo louco


*não percebo este tempo. ora faz chuva, ora faz sol.. hoje então está completamente doido: acordei às 7h da manhã com um sol magnífico a entrar pela janela (confesso que fiquei algo irritada, já que a essa hora queria era estar a dormir descansada e não acordar por causa da claridade - facto que tem acontecido diariamente, principalmente agora que já não tenho de me levantar a essa hora!!) e horas mais tarde, sem que nada o fizesse esperar, começa a ficar negro e a cair granizo! nem queria acreditar..
*agora está sol outra vez. vamos é lá ver por quanto tempo..

15 de maio de 2012

*toalha na cabeça


*não sei quanto a vocês, mas eu adoro andar de toalha enrolada na cabeça depois do banho!! fico com uma sensação de frescura, liberdade, relaxamento... fantástico!!
*sempre que posso (o que significa: sempre que depois do banho não tenho de sair imediatamente!) ando por casa com a toalha enrolada na cabeça. mas diga-se, a bem da verdade, que esta sensação de bem estar só é possível se também andar com outra toalha enrolada à volta do corpo. 
*resumindo: fantástico fantástico é andar apenas de toalhas!! infelizmente tal não é possível durante muito tempo..

*preparativos


*e começaram os preparativos da viagem! para mim "preparativos" é sinónimo de "listas". sim faço listas para tudo: para ir às compras, para o que tenho de fazer todos os dias, para ir de férias, para tudo.. gosto de ter qualquer coisa que me lembre de tudo o que preciso ou tenho que fazer.. Sei que é um pouco "à velha", mas não me dou de outra forma..

*a lista das coisas que devem caber dentro da mala já está feita, faltando apenas pensar no que vou levar para trincar.. viagens grandes dão-me fome e como não me  apetece passar a vida a parar o carro para comer, mais vale precaver-me. e como não é apenas para mim, lá terei que fazer outra lista dos "comes e bebes" para a viagem.

*posto isto, falta a parte pior: preparar o corpo e a mente para uma viagem de 7 horas by car! eu gosto muito de viajar, mas detesto que seja de carro: não tenho espaço suficiente para me mexer, é muito longa, andamos aos solavancos, etc etc etc.. detesto mesmo.. mas enfim, não há nada a fazer. agora é mentalizar-me que vamos assim e não pensar muito mais no assunto..

10 de maio de 2012

*férias


*hoje é o meu primeiro dia de férias. agora ocupação só mesmo em setembro. e o que vou fazer até lá?? para já faço tenções de "virar garfield": acordar tarde todos os dias e de passar os próximos dias a preguiçar - dispenso a lasanha diariamente.. depois logo vejo com o que me entreter.
*agora tenho mesmo é que pensar em estudar (ou não!) qualquer coisa de alemão para fazer o exame B1 este sábado. confesso que a vontade de pegar nos livros é nula, mas como também não tenho muito que fazer, acho que me vou dedicar um pouco a isso.
*claro que tenho aqui uns "trabalhos" pendurados, mas esses vão continuar em standby até próximas núpcias..

2 de maio de 2012

*hair


*tive hoje a minha primeira experiência num cabeleireiro estrangeiro. acho que nunca estive tão nervosa por causa de uma coisa tão estapafúrdia.. 
*andei, com mais duas tugas, à procura de um sítio onde pudéssemos cortar o cabelo, sem que fosse muito caro (como não sabíamos o que esperar, decidimos não arriscar a carteira toda!) e sem que saíssemos de lá prontas para ir a outro cabeleireiro.
*lá encontramos um. apesar de acharmos que não era grande coisa, decidimos arriscar: o preço estava dentro do "orçamento"; bastava agora ver o que nos iam fazer ao cabelo.

*enquanto esperávamos, começamos a prestar mais atenção à "cabeça" das pessoas que saíam do estabelecimento. íamos "morrendooo", mas nesta altura já nenhuma tinha coragem para sair dali. 
*começamos a ver revistas de penteados. cada um pior que o anterior.. e para ajudar à festa, aparecem revistas de penteados para mulheres muçulmanas, ou seja, com os lenços na cabeça e cabelo nem vê-lo! 
*eu, que até sou uma pessoa que não me chateio muito com o cabelo - ele afinal acaba sempre por crescer! -, comecei a sentir calafrios e a pensar no que me tinha metido..

*por fim lá chegou a nossa vez. ficamos as três estáticas e sem grande vontade de nos levantarmos. lá tomei coragem e fui a primeira. 
*aparentemente a coisa correu bem para mim e para a nês, apesar de parecermos a barbra streisend nos seus tempos mais idos. como devem calcular, a primeira coisa que ambas fizemos foi por as mãos no cabelo e começar a esticá-lo com os dedos. está melhor agora. vamos esperar por amanhã para ver melhor o resultado.
*já a pat não teve grande sorte.. como o cabelo era bem curto, o fulano não conseguiu fazer o que ela queria. e qual foi a reação dela?? ir para casa, agarrar-se à tesoura e dar um jeito para ver se fica em condições.. 

*agora só tenho que esperar mais uns mesitos para ir ao "meu" dani!!

1 de maio de 2012

*cooking and baking



*perdoem-me os amantes da culinária, mas a cozinha não é de todo local para a minha pessoa.
*não é que não saiba cozinhar (aparentemente tenho alguma queda para a coisa), mas não tenho é gosto algum ou prazer em fazê-lo.
*infelizmente passo algum tempo na cozinha (não me consigo safar dos almoços e jantares) e, cada vez mais, menos paciência tenho.
*como paga pela minha falta de vontade, arranjei um homem que raramente faz algo na cozinha (aliás, continua a perguntar "onde está o/a ...?") e cuja mãe sempre fez imensos bolos, pelo que passa a vida a pedir-me que também os faça.
*hoje fiz-lhe a vontade e fomos fazer um bolo mármore. só espero que esteja bom. da última vez ficou surpreendentemente delicioso!! =)

*acabou de sair do forno. está com imenso bom aspecto e sabe incrivelmente bem!