27 de fevereiro de 2015

Estreia no bricolage

Estreie-me hoje no bricolage. Comprei um pequeno móvel para o quarto de banho e estive a montá-lo. Não é do Ikea, mas é do género. 

Para primeira vez até que a coisa não correu muito mal. Fiz asneira pelo meio e tive que desfazer algumas cenas, mas acabou por correr tudo bem. Está inteiro, de pé e a funcionar. Apesar disso, bricolage não é de todo a minha cena!! 

25 de fevereiro de 2015

Check up


Andava com a ideia de fazer um check up. Nunca cá o tinha feito e quase a fazer dois anos desde o nascimento da minha filha, achei que tinha chegado a altura de pegar na minha pessoa e ir. Ontem decidi que era O dia. Lá fui, falei com o médico, fiz análises, um ECG e qual não é o meu espanto quando me dizem que tenho que fazer um ECG de esforço também!! Não é nada que não tivesse já feito anteriormente, mas isso era quando fazia desporto. Mas porque raio é que uma pessoa que não faz desporto tem que fazer um ECG de esforço?! Seja!! Fiz. E aguentei uns fantásticos 6 minutos - para quem não faz nenhum até que nem está mau de todo. Agora ainda me falta a sonografia, mas isso fica para mais tarde. 

Acho que nunca fiz um check up tão completo.. Bom, pelo menos fico com a certeza que estou totalmente bem - ou assim espero.

23 de fevereiro de 2015

It´s really cold again


E está frio outra vez. Mas pior que frio é um frio gelado com chuva. Nevou durante a noite, mas como choveu depois a neve foi-se (só há vestígios nos carros - estão cobertos de gelo), mas o frio, esse, ficou por cá. Está mesmo um gelo lá fora!! As temperaturas até que nem estão muito baixas, mas a junção da neve com a humidade da chuva deixa qualquer um KO.

A M., que estava já a ficar boa (finalmente tivemos uma noite descansada), voltou a ter aquela tosse horrível mal saímos à rua. Passámos 3 dias enfiados em casa a ver se ela melhorava e de repente volta ao mesmo. Só espero que não seja nada e que ela não tenha uma recaída.

Vou é beber um café quentinho para me aquecer a alma! Não há nada melhor que uma bebida bem quente no aconchego do lar em pleno inverno!!

19 de fevereiro de 2015

Só chora

A M. está doente. Tem garganta inflamada e uma tosse seca feia. Fomos ao pediatra e felizmente não passa disso mesmo, mas dói vê-la assim, principalmente quando chora e acorda a meio da noite com dores.

As crianças não deviam NUNCA ficar doentes..

18 de fevereiro de 2015

Mr. Burns

Os alemães são um povo muito curioso: muito à frente numas coisas, muito antiquados noutras e muito parolos noutras tantas! Uma das coisas que mais me fascina é a decoração exterior das casas: eles é bonecos de loiça à porta e nos jardins das casas particulares, coisas penduradas nas janelas. Enfim, uma panóplia de coisas que não lembra ao menino Jesus, diria eu.

Ora hoje, quando estava a levar a M. à ama, deparo-me com isto:

(Photo by me!)
E logo na vivenda mais sóbria da rua!! Se tem piada? Tem. Mas convenhamos que ter o Mr. Burns a dar-nos as boas vindas tem o seu quê de caricato!!

17 de fevereiro de 2015

Gisela João


Fado. 

Não sou, nem nunca fui, muito amante de Fado; gosto q.b..

Descobri a Gisela João através (de podcast) do PRIMO da Rádio Comercial e não há muito tempo - afinal vivo no estrangeiro e não tenho tv portuguesa, e por isso acabo por não ter conhecimento do que se passa por essas bandas. E gostei!

Fico contente que hajam cada vez mais fadistas e que estejam a ganhar reconhecimento no estrangeiro. Até já nos perguntaram (colegas alemães do maridaço) se tínhamos cds de fado que pudéssemos emprestar. =) Afinal até nem somos maus de todo.

Oh well...


Andamos já há algum a tempo em pensar em remodelar o nosso quarto - as mobílias estão velhas e gastas e o colchão a dar de si -, mas está a ser difícil arranjar o que queremos verdadeiramente: o que gostamos é caro que dói e as outras opções deixam-nos assim meio sem saber o que pensar. E depois, claro, temos sempre aquela questão chata: não queremos gastar muito dinheiro, porque no dia em que nos formos embora, se formos, estragam-se todas na mudança - infelizmente já o sentimos por 3 vezes na pele.. E pronto, andamos sem saber onde e o que comprar.

16 de fevereiro de 2015

Empanada!

Magoei as costas a pegar na minha filha. Nem queria acreditar.. Ando há quase 22 meses a pegar nela todos os dias e várias vezes ao dia e ontem, com uma coisa sem jeito nenhum, fiquei toda torta. Não há posição que me deixe confortável, dormir está a ser um pesadelo e hoje não se trabalha que é carnaval, por isso só posso ir amanhã ao médico. Enfim, não bastava ainda estar torta da boca; tinha ainda que ficar torta dos costados!! Estou para ver o que me vai acontecer a seguir. Sim porque lá diz o ditado: não há duas sem três!!

13 de fevereiro de 2015

A desesperar

Tenho sono e quero muito ir dormir. Mas ... tenho que esperar pela meia noite para tomar o antibiótico. Porque será que não inventam antibióticos que sejam para tomar apenas uma vez por dia?! Seria tão mas tão mais simples...

Melhor, mas...

Uma semana depois da pequena cirurgia que fiz, posso dizer que estou melhor, mas ainda falta muito para estar verdadeiramente bem. Os pontos já foram, o inchaço quase que desapareceu e da nódoa negra já só tenho uns resquícios que mal se notam. No entanto ainda tenho dores e comer é muito muito difícil. Abrir a boca é boato - não consigo abrir que mais que o meu dedo mindinho! -, mastigar só para o lado oposto e a comida tem que ser cortada em bocados de bebé, caso contrário nem tão pouco a consigo enfiar dentro da boca. Cheguei mesmo ao cúmulo de comer um donut com garfo e faca!! Enfim...

12 de fevereiro de 2015

Carnaval

(Photo by me! A minha pequena zebra!)

Começou hoje a época carnavalesca: é a quinta-feira das mulheres; altura em que lhes é permitido fazer quase tudo, além de, claro, andarem mascaradas. Mas pensava que era apenas isso e que a festa de carnaval em si seria, a grande, na segunda-feira. Qual quê... 

Depois de ter regressado a casa da minha consulta "com as galinhas", vesti a M. a rigor (zebra!) e fui com ela passear para o centro da cidade. Há que aproveitar que a miúda está de férias para ir com ela ou não a levamos muitas vezes. Lá fomos e fomos encontrando sempre pessoal mascarado pelo caminho. Fomos para a Altstadt (cidade velha - centro centrinho) e começo a ouvir música e a ver que toda a gente se dirigia para frente da Rathaus (Câmara Municipal). Chegadas lá deparo-me com um palco e um qualquer grupo a tocar músicas carnavalescas, barracas de cerveja e muito alemão mascarado. Percebi que a coisa se ia dar ali e deixei-me ficar, aproveitando para deixar a M. correr enquanto a zona não enchia. 

Às 11h11, já não havendo muito mais espaço por ali, dá-se a abertura oficial dos festejos e eu ponho-me dali para fora. Foi o melhor que fiz. A caminho do metro cruzo-me com centenas de pessoas que vão a caminho da estarola. Na estação de metro, era ver as carruagens cheias deles. Eram aos magotes! E estavam todos, mas mesmo TODOS mascarados. E não há frio que os pare, que havia muitos que estavam mais nus que vestidos..

6h. Ninguém merece..

Sei que há até quem se levante ainda mais cedo, mas felizmente eu não sou uma dessas pessoas. Mas hoje tive que ser já que tenho marcado para as 8h uma consulta para controlo da pequena cirurgia que fiz. Não é de todo uma hora que me agrade, mas aparentemente as consultas de controlo têm que ser as primeiras do dia - só mesmo na cabeça desta gente, mas enfim. Portanto calhou-me na rifa acordar ainda com as galinhas a dormir para apanhar o metro e chegar a horas. 

Entrei no metro às 7h15. E guess what?? Está cheio cheio de gente. Eu sei que os alemães acordam cedo, mas confesso que não tinha ideia que andar de metro a esta hora não era fácil. 

Mas vá que hoje tenho com que me distrair: é a quinta-feira antes do carnaval, o que significa que é o dia das mulheres saírem à rua, até mesmo para trabalharem, se assim o entenderem, mascaradas e fazerem quase tudo o que quiserem. Há máscaras para todos os gostos e acreditem que elas as usam!!

E apesar de ser o dia das mulheres não é por isso que alguns homens deixam de se mascarar também. Mais até do que seria de esperar! Hoje já vi índios e animais gigantes. E acabei de passar pelo Super Homem, mas infelizmente não veio em meu socorro e não me levou de volta para casa. Não era o verdadeiro Clark kent!! =(

11 de fevereiro de 2015

A M. e o seu lado "criativo"


A minha filha tem ideias fantásticas. Ou nem tanto, diria eu, pois quando o seu lado mais "criativo" vem ao de cima sobra sempre para mim. Pois bem, ontem decidiu presentear-me com um espectáculo que nunca imaginei assistir: banana na carpete!! Pede-me uma banana para comer, descasco-a, dou-lha para a mão, ela começa a comer e eu distraio-me com qualquer outra coisa. Erro crasso, meus amigos, erro crasso!!! De repente, e assim do nada, começo a ouvir qualquer coisa como lhac lhac. Imaginando logo que coisa boa não seria, olho para ela e encontro-a a fazer papa de banana, com os pés, em cima da carpete!!! Vida de mãe é, sem dúvida, uma aventura diária rumo ao desconhecido!

Novo look

Gosto de mudanças e de coisas novas. E também me canso rapidamente. E foi o que aconteceu com o blog: cansei-me da cor e do título e de mais qualquer coisa que ainda não percebi bem, por isso os próximos tempos vão ser passados a alterar aquilo que ainda não consegui.

Para já a mudança está no título. As pérolas perderam-se e veio a

Porquê? Para começar, gosto de amarelo. E a cup porque o meu dia a dia, como tantos outros, ora está cheio ora vazio; ora tem imensas peripécias ora é de uma monotonia extrema. Lá está, como uma chávena!! 

10 de fevereiro de 2015

*Millennium I


*DIVINAL!!! quem já leu sabe do que estou a falar. estive imenso tempo para começar a ler o livro - até porque li a versão inglesa e confesso que não estava muito para aí virada -, mas assim que comecei não mais consegui parar. embrenhei-me de tal maneira na estória, que ficava difícil parar para fazer o que quer que fosse. as personagens são magnificas e a trama completamente absorvente. fiquei de tal maneira fã que já mandei vir os dois outros livros da trilogia. 

9 de fevereiro de 2015

*de cara feita num oito


*num oito ou quase. fui sujeita a uma pequena operação à boca e agora ando de cara inchada. o inchaço já começou - felizmente - a baixar, mas, como não podia correr tudo bem, agora ando negra. vai-se o inchaço, vêm as nódoas negras!! é uma felicidade... já não bastava não conseguir abrir a boca, ainda tenho que andar a fazer figuras destas. não é que me chateie muito com isto, até que nem disfarço com maquilhagem (afinal não tenho nada a esconder), mas confesso que é desagradável ter as pessoas no metro a olharem para mim o tempo todo. enfim...