6 de março de 2015

Nova paixão


Sempre adorei agendas e o planear do meu dia. Ando sempre - salvo quando sei que não preciso mesmo -, desde que me lembro, com uma atrás. Sou, sempre fui e sempre serei uma pessoa que precisa de papel. Admito que também uso a agenda electrónica, mas apenas para aquilo que tem dia e hora marcada, caso contrário preciso de papel à mão para escrever.

No entanto sempre senti que as agendas que existiam não eram AS agendas de que precisava. Ou faltava espaço para organizar o dia, ou faltava espaço para escrever notas, ou ou ou..

Até que comprei uma Filofax - as de argolas, em que podemos colocar todos os feitios de papel. Ainda estou a tentar decidir que tipo de opção me dá jeito para me organizar. Gosto de ter tudo no mesmo sítio, sem ter que andar de um lado para o outro a desfolhar a agenda: tudo o que preciso tem de estar escrito no próprio dia. Para já tenho uma week on two pages, mas não sei se estou totalmente agradada com a coisa. Vou ter que esperar mais um tempo para perceber. Mas pelo menos estou satisfeita com o restante. Existem n vídeos sobre o tema, uns bons outros nem por isso. Tenho visto bastantes e isso ajudou-me a perceber o que preciso e o que funciona comigo.

Para já uso duas - sim duas! -: uma que anda comigo para todo o lado e outra que fica em casa. Ando a ponderar arranjar uma terceira com um fim diferente, mas para já fica em standby

Sem comentários:

Enviar um comentário