27 de janeiro de 2016

Todas loucas!!


E eu começo mesmo a acreditar que sim. Começando desde logo peça privação do sono ainda a criança não nasceu. Sei que não acontece com toda a gente, mas a mim está a acontecer outra vez. Vou na minha segunda gravidez e confesso que o não conseguir dormir é o que mais cabo dos nervos me dá. Sim, quando a criança nasce as coisas também não são fáceis, mas felizmente com a M. consegui descansar, até porque ela acordava uma vez por noite para mamar, por isso até que nem me posso queixar. Mas a fase da gravidez para mim é terrível: não tenho posição confortável para me deitar - eu sou daquelas que dorme (ou dormia!) de barriga para baixo -, o estar grávida não é de todo aquilo que mais gosto e o peso que neste momento já carrego só dificultam as coisas. E ainda me faltam cerca de quatro meses pela frente..

Não sei como vou aguentar até ao fim. Com uma toddler em casa e sem dormir nada de jeito, ando num autêntico farrapo. As minhas olheiras assustam qualquer um - até a mim quando me olho ao espelho. Adormeço no sofá a meio da tarde. Volta e meia e dou por mim a arrumar coisas em sítios estapafúrdios: tampas de panelas no frigorifico, talheres sujos no lixo, pacote de manteiga na mala, chinelos na cama, etc etc etc. O chamado "cérebro de grávida" é tramado!!

Por tudo isto e muito mais, não me custa nada acreditar que as mães são todas um pouco loucas!

Sem comentários:

Enviar um comentário